Acompanhe a coluna dos astrólogos
George Jorge e Márcia Bernardo aos Sábados
no Jornal da Orla,
Jornal Diário do Litoral,
Jornal Local Zona Noroeste
Jornal Local Guarujá.

 

Fenômeno do Algodão

Entrevista   Oração  Significado dos Objetos   Vídeos


Por George Jorge e Márcia Bernardo


A materialização de objetos é um acontecimento que impressiona, mas que também causa bastante polêmica para os mais céticos. No interior de São Paulo, dona Edelarzil Munhoz Cardoso, conhecida como "a benzedeira do algodão", realiza esse fenômeno há mais de 50 anos.

Vestida de branco, com colar e pulseira, batom e um leve perfume adocicado, ela atende semanalmente centenas de pessoas que a procuram nos dias de consulta para ser "limpas" de influências negativas, feitiços ou de conflitos pessoais; ninguém sai sem ser atendido e ela afirma: "recebi o dom, foi dado por Deus e isso ninguém me tira".

História - De família simples e católica, aos 3 anos de idade, D. Edelarzil brincava com as meninas e benzia as bonecas, diz que os guias espirituais receitavam remédios para curar os vermes das crianças e funcionava. Já com 5 anos, cavava buraco para encontrar magia enterrada. Aos 7, rezava o terço, dizendo ver o anjo da luz e o das trevas: "optei pelo da luz, os guias que me protegem são Santo Antonio de Pádua e Nossa Senhora do Rosário". Ficava perturbada com tudo o que acontecia e foi passada por louca, distanciando-se das pessoas. Mais tarde, começou a atender em casa pessoas que vinham de toda a parte do Brasil: "chegaram a raspar a minha casa que era de madeira para fazer chá, diziam que era abençoada e curava as pessoas; meu pai ficou transtornado". Aos 9 anos de idade, a contragosto do pai, foi trabalhar nas lavouras de algodão e no terceiro dia teve a visão de Nossa Senhora do Rosário, com quem diz ter conversado e proposto "viver para ajudar aos semelhantes ou a morte material para descanso eterno".

Materialização - Em 1980, iniciou a materialização com o uso do algodão. D. Edelarzil conta que materializava os objetos e eles caíam em cima das pessoas e até as cortavam, pois apareciam vidros, ossos e coisas pesadas que acabavam machucando. Foi quando pediu para os guias espirituais que mostrassem outra forma de fazer isso e foi indicado por meio do algodão.

O objetivo do trabalho é "limpar", livrar a pessoa do que dificulta a sua vida e nem sempre uma única vez é suficiente. Se houver "trabalho feito", influências, inveja ou energia negativa criada pela própria mente, tudo isso será transportado para o algodão e liberado. Depois, é preciso fazer as orações durante os 13 dias posteriores. A médium diz que quando a pessoa não tem fé, o algodão endurece. Um dos comentários mais comuns no local é de um rapaz que durante o seu trabalho de materialização foi retirado um sapo vivo com a boca costurada, quando aberta encontrou sua fotografia.

Em Parisi, cidade que trabalhou anteriormente, chegou a atender 3.500 pessoas num só dia: "se eu tivesse enganando pessoas, precisava de um caminhão de lixo para colocar tanta coisa que sai", afirma.

O assunto é tão polêmico e instigante que a médium já recebeu visitas de pessoas de vários países, além de ter sido matéria de muitos programas de TV, mas ninguém consegue provar nada: "não tenho medo, a minha consciência está limpa para com Deus", conta Edelarzil. O que se comenta é que políticos, cantores, atores como Raul Cortez, Ruth Escobar, Elizabeth Savala e até a conhecida atriz Shirley Maclaine a freqüentam com certa regularidade. A médium doa 100 cestas básicas mensalmente para famílias carentes.

O espaço onde realiza os trabalhos é num terreno doado por um médico e se chama Estância Casa Caminho e Luz em Votuporanga, São Paulo. Lá é tudo bem organizado e logo que as pessoas chegam, precisam pegar uma senha, levar ou comprar algodão e desfiá-lo para serem colocados na peneira, onde será molhado e realizada a materialização. Fica tudo à vista: peneira, algodão, água, o tanque onde escorre a água e quem quiser pode ficar próximo e tirar suas dúvidas. A palestra da médium e as orações antecedem o trabalho, ela pede para que façam um exame de consciência, se concentrem e peçam saúde, paz de mente e espírito, sermos pacientes e simples.

Casos - A maioria das pessoas que freqüentam o local não são novatos. D. Olinda de SP a visita há mais de 6 anos; quando passou pela primeira vez, foi materializada a metade de sua camisola que havia desaparecido de sua casa há muito tempo, além de uma peixeira com as iniciais de seu nome, de sua filha e de seu marido cravadas. Ercina, freqüentadora há 5 anos diz apresentar melhorias em sua vida: "da última vez saiu caixão e ossos". Certa vez, num trabalho de materialização de um rapaz, saiu um copo com água congelada e um papel dentro; a médium pediu para que aguardasse descongelar e dentro estava escrito: "se não for meu, não será de mais ninguém". Estas e outras impressionantes histórias são narradas no local por pessoas de todas as classes sociais.

Alguns significados - Pus: graça recebida na saúde, extraído do corpo da pessoa; Raízes e plantas: trabalho antigo; Sapo: desejo de doença, tragédia, acidente e morte; Vidros (quebrados): para cortar as atividades comerciais e profissionais; Pregos e parafusos: para não sair do lugar e ficar sem objetivos; Alfinete: perturbação mental da pessoa; Ossos: dificuldade em tudo que se realizar; Doces ou balas: adoçar para enganar; Fósforo: trabalho de magia ou demanda; Pedaço de vaso: desequilibrar a vida financeira.

A avaliação é pessoal, podendo ser contestada ou não; apresentamos aqui somente uma curta descrição. Segundo D. Edelarzil, a materialização pode ser realizada em qualquer lugar, até num tanque de casa, desde que a água escorra, mas alerta: "é necessário ter fé, fico triste, porque quando comecei existia mais união, amor e compreensão entre as pessoas; hoje estão mais complicadas, inclusive dentro da família".

Dica – A médium Edelarzil dá a dica para quem busca proteção nos negócios, trabalho, emprego, financeiro e sentimental. Oferecer durante 3 meses, em 3 segundas-feiras de cada mês, cinco velas brancas colocando para queimá-las em cruz nessa ordem: Rei Salomão (sabedoria e dinheiro), 13 almas benditas (abertura de negócios), Santo Antonio (firmeza de negócio), Santa Edwiges, na esquerda (sair das dívidas e receber dinheiro), na direita Espírito Soberano de Santa Samaritana (para terem interesse em seus negócios). Rezar 1 Pai Nosso, Ave Maria e Salve Rainha para cada vela.



Excursão Fenômeno do Algodão

Materialização e transporte através do algodão

Saídas: 23/11/2017 às 22h


Acompanhe: http://www.escolasantistadeastrologia.com.br/ent_Fenomeno_do_Algodao.asp


ATENDIMENTOS

Atendimento Tarot e Baralho Cigano
Todas as quartas e sextas-feiras a partir das 14h30, com hora marcada.
Taróloga: Fátima Ramos
Várias técnicas


COMUNIDADE NO FACEBOOK: ESCOLA SANTISTA DE ASTROLOGIA


________________________________________________

* Acompanhe as Dicas para os Signos diariamente na Rádio Saudade FM a
partir das 8h20 da manhã e a Dica do Dia às 12h.

 

 

Atendimentos

* Interpretação de mapa astrológico
* Previsão Anual
* Sinastria (parcerias e relacionamentos)
* Eletiva (lançamentos, inaugurações, cirurgia, etc)
* Vocacional
* Retificação da Hora de Nascimento




* Tarot
* Baralho Espanhol
* Baralho Cigano
 

Rua Goitacazes, 8 altos - Gonzaga - Santos/SP Tel.: (13) 3284-9714

Horário de funcionamento: de 2ª a 6ª feira das 14h às 22h

Novo E-mail: esa@escolasantistadeastrologia.com.br

INCLUA TAMBÉM O SEU BANNER EM NOSSA PÁGINA.
INFORME! TEL. 3284-9714

Estilo Net - Direitos Reservados